© Paulo Abreu e Lima

domingo, 24 de junho de 2012

às vezes ando só, trocando passos com a solidão / momentos que são meus e que não abro mão

4 comentários:

  1. Depois dum fim de semana cheio de social,muito agradável com amigos daqueles que nunca esquecemos e que nos deixam uma recordação de momentos inolvidáveis ( um cozido à Portuguesa a preceito feita aqui em família e passeios pelos Porto), sabe-me bem a solidão, mas ainda não a tenho pois os meus netos estão aqui e a Tv é um must.

    Mas sim, nisso somos almas gémeas....um passeio pelas calhetas da Luz ao fim da tarde ou pela manhã...solidão preciosa!

    Aproveita!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uns encontros com nós mesmos fazem sempre muito bem. Depura e realça o que verdadeiramente importa.
      Bjs

      Eliminar
  2. Há momentos que os precisamos de viver completamente a sós.
    Um abraço,

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hoje em dia cada vez mais, Manuel!
      Abraço,

      Eliminar